Pastoral da Sobriedade Promoveu Encontro de Espititualidade

Pastoral da Sobriedade Promoveu Encontro de Espititualidade

Escrito em 26/07/2019
diocese

No dia 21 de julho, a Pastoral da Sobriedade da Diocese de Jales promoveu o Encontro Diocesano de Espiritualidade, na Quase Paróquia Nossa Senhora Aparecida em Guzolândia. Com o tema “Fé e Conversão, Políticas Públicas”, e reuniu cerca de 117 participantes.

O evento foi preparado pela comissão paroquial local com o apoio da coordenação diocesana da Pastoral da Sobriedade, e do movimento Renovação Carismática Católica. Iniciou-se com a Santa Missa Presidida pelo Padre Carlos Cezare, pároco da comunidade, prosseguindo com pregação, oração e testemunhos.

O encontro teve a assessoria do agente da Pastoral da Sobriedade de Guzolândia, Carlos Eduardo de Carvalho, que utilizou a metodologia do amor, enfatizando a espiritualidade na vivência da sobriedade.

“Temos como objetivo levar os participantes ao encontro pessoal com Cristo, ao amor verdadeiro de Jesus por cada um de nós. E levar esse amor para os grupos de autoajuda onde atuamos”, concluiu Carlos Eduardo.

A pastoral completa neste ano 18 anos de missão na diocese, e 9 anos na comunidade de Guzolândia.

A Pastoral da Sobriedade

É a ação concreta da Igreja para o enfrentamento, de maneira concreta, do problema social da exclusão, miséria e violência. Nasceu em 1998, na 36ª Assembleia dos Bispos do Brasil, para responder à delicada questão do uso de drogas. Na diocese de Jales foi criada em 2001, e hoje com mais de 100 agentes voluntários que vieram de diversas áreas profissionais, que fizeram o curso de formação de agentes de pastoral. Hoje somos 11 grupos de autoajuda distribuídos em nossa diocese, que é desenvolvido com reuniões semanais. Essas reuniões estão baseadas na reflexão e na vivência de doze temas bíblicos que pretende levar a uma conversão, a um programa de vida nova.

O Grupo de Autoajuda trabalha com qualquer tipo de dependência – química ou não, alcoolismo, tabagismo, vícios em geral, manias, compulsões ou pecados, auxiliando no tratamento de depressão e outras relacionadas aos transtornos emocionais.

A metodologia utilizada tem como objetivo restaurar o equilíbrio emocional das pessoas que compartilham as mesmas dificuldades, através de uma experiência individual com JESUS CRISTO libertador.